3 Ações Para Viver Sem Medo De Ser Feliz!

Neste artigo, te daremos dicas que vão além de mudanças como na alimentação seja ingerindo nutrientes necessários para o bom funcionamento do corpo (Vital 4k) até dicas de leitura.

Talvez você já ouvido e lido a respeito de um medo que costuma surgir exatamente no momento em que tudo o que desejamos, e trabalhamos para conquistar, começa de fato a acontecer. Ele aparece durante a transição de uma fase para outra, especificamente na transição.
Pode-se dizer (segundo Flávio Gikovate) que este é o grande inimigo das mudanças que de fato queremos estabelecer (sabe aquele “UP” que você está batalhando para que aconteça em seu empreendimento?).
Muitas vezes, por mais que estejamos teoricamente e racionalmente bem preparados nossas experiências emocionais podem tomar a frente e criar pequenas situações de auto-boicote que precisam ser bem manejadas.Esse medo de ser feliz é uma dessas emoções que aparece naquele momento que tudo parece estar indo tão bem, transformando-se como desejávamos,  que começamos a acreditar que logo algo muito ruim acontecerá.

Para manejar esse medo podemos lembrar 3  ações essenciais:

1ª ação

Uma mudança desejada precisará de uma transição de algo antigo para algo novo. Isso é gradual e passageiro. Procure NÃO agir impetuosamente nessa fase. Isso serve para palavras ditas em rompantes ou movimentos corporais e ações bruscas que possam criar problemas não necessários. Imagine aquela negociação importante na qual você precisa estar ouvindo e falando atentamente, para tudo ficar claro e bem estabelecido, e de repente, para tentar terminar tudo rapidamente, você diz as primeiras coisas que vêm à mente, tentando  correr com o assunto?…

2ª ação

A emoção do medo faz nosso corpo correr ou paralisar. Experimente descobrir qual é sua maior tendência e exercite formas de não fazer nem uma coisa, nem outra. Lembre que isso é apenas uma sensação que acontece na transição e logo passará. Eu, por exemplo, costumo caminhar quando estou vivendo esses momentos. Faço muitas coisas a pé, para esgotar essa sensação de paralisar e ficar pensando bobagens quando preciso aguardar calmamente que algo se resolva.

3ª ação

Lembre que medo algum pode ser maior que toda sua energia que já foi empenhada naquilo que deseja. Anos de estudos e preparações, cursos, parcerias, dinheiro investido no seu empreendimento, momentos de falhas que se tornaram preciosos aprendizados. Tudo isso é maior que a tensão e o medo na hora que tudo está de fato acontecendo. Revise novamente suas ações para não criar prejuízos a si mesma (o).

As emoções, como o medo, não desaparecem magicamente, mas podemos manejá-las com ações e atitudes corporais, para que deixem nossa mente mais leve e livre.

Ser feliz nas nossas escolhas é um importante investimento da vida de cada um, e que não precisa ficar subjugado pelos medos e receios.

4 dicas preciosas para conseguir clientes pela internet

Se você é um advogado e busca clientes ou um artesão que faz tapetes de barbante, por exemplo, a receita para sua empresa decolar é basicamente a mesma.

Atualmente a internet oferece diversos meios de você conquistar novos clientes, e ainda, potencializar a sua fidelização – e tudo isso sem necessidades de altos investimentos.

Para que isto seja possível, estratégias de marketing e publicidade online precisam estar alinhadas. Ter um website e estar presente e ativo nas redes sociais e através dessas ferramentas realizar vendas, promover produtos e serviços, conquistar novos clientes e fornecedores é uma importante e indispensável estratégia comercial para as grandes empresas e uma ótima oportunidade para os pequenos empreendedores.

Confira quatro dicas para seu negócio arrasar na web:

-Tenha uma equipe afinada. Para seu negócio ter sucesso online é necessário contar, sempre que possível, com uma equipe multidisciplinar. O ideal é que os envolvidos entendam tanto sobre o seu negócio quanto sobre o ambiente online. Caso a verba não seja suficiente, vale a pena investir em algum curso sobre redes sociais ou ler bastante sobre o assunto antes de se aventurar na internet e expor sua marca online.

-Acompanhe os posts. Os comentários são uma ótima forma de interagir diretamente com seus clientes. De nada adianta estar presente em todas redes sociais e ignorar as interações feitas por lá. Quando o orçamento permitir e o assunto for bem aceito, vale fazer um investimento para promove-lo no facebook, por exemplo.

-Invista nas palavras chaves. Para garantir bons resultados nos mecanismos de pesquisa, invista nas palavras chaves e em SEO.  A forma como o profissional escreve no blog da empresa, por exemplo, é importante para o posicionamento do site nas buscas online. O ideal é fazer com que quando seus clientes busquem sobre o segmento que sua empresa atua, encontrem facilmente o seu conteúdo – antes de encontrar o do seu concorrente.

-Estabeleça uma política para os franqueados. Caso a sua marca possua muito franqueados, o ideal é que a comunicação online fique centralizada com a franqueadora. Isso faz com que a marca tenha uma identidade própria e não confunda os clientes.